Macrotransição
SP • 11 3075-3034 - RJ • 21 9.9660.4661
Av. Paulista, 1.765 - 7º andar - São Paulo - SP

Morre Pininfarina, criador da Ferrari Testarossa

05/07/2012 16:02
O designer italiano de automóveis Sergio Pininfarina, chefe do grupo de design Pininfarina, morreu na noite da segunda-feira, aos 85 anos, na cidade de Turin, no norte da Itália.

Pininfarina herdou o estúdio de seu pai, Battist "Pinin" Farina, e foi responsável pela criação de vários modelos clássicos, como a Ferrari Testarossa e a Maserati Gran Turismo.

De acordo com um comunicado divulgado nesta terça-feira pela empresa, o designer faleceu em casa, na presença de sua mulher, Giorgia, e de seus filhos Lorenza e Paolo. As causas da morte não foram informadas pela Pininfarina.

Nascido no dia 8 de setembro de 1926, chegou a ser presidente da italiana Cofindustria, presidente honorário da companhia familiar especializada na montagem de modelos esportivos para grandes empresas construtoras e era senador vitalício desde 2005.

Formado em Engenharia Mecânica no prestigiado Politécnico de Turim, guiou por muitos anos a Ferrari, convertendo-a na marca sinônimo de elegância e estilo, combinando inovação tecnológica e beleza.

Sempre na vanguarda no que diz respeito à aerodinâmica, Pininfarina dotou a empresa de ventiladores ultramodernos e ferramentas digitais em 1982. A oficina colaborou com todas as marcas de automóveis mundiais, principalmente as japonesas, como Honda e Mitsubishi, com a qual desenvolveu o conceito SUV (Sport Utility Vehicle).

Com a francesa Peugeot, a colaboração se estendeu por meio século, já que a Pininfarina foi associada ao desenho dos modelos 403 e 404, dos sedãs 404 e 504, e dos conversíveis 205 e 306.

Sergio Pininfarina colaborou com a Ferrari a partir de 1952, e criou carros lendários, como a Ferrari Testarossa e os modelos Daytona, Dino e 308 GTB. Durante 42 anos, foi membro do conselho administrativo da marca.

Graduado em engenharia mecânica no renomado Politécnico de Turim, comandou por muitos anos a Ferrari, tornando-a sinônimo de elegância e estilo, combinando inovação tecnológica e beleza.

Ao longo dos anos, o centro de design Pininfarina criou, segundo seu fundador, mais de mil modelos, dos quais 250 tiveram uma produção superior a 30 milhões de veículos.

O sucesso permitiu à empresa ser lançada em bolsa em 1986 e comprar o ex-centro de engenharia francês Matra em 2003. Mas a crise econômica se fez sentir no setor, e o grupo abandonou a atividade de produção de veículos para montadoras em outubro, mantendo as atividades de design, engenharia, pesquisa e desenvolvimento, principalmente no setor de veículos elétricos.

Membro do partido liberal italiano, deputado europeu entre 1979 e 1984, e presidente da Confindustria entre 1988 e 1992, Sergio Pininfarina foi nomeado senador vitalício em 2005.

"A Itália perde um de seus embaixadores mais prestigiosos", lamentou Harald Wester, dono da Maserati, enquanto o prefeito de Roma, Gianni Alemanno, lamentou a morte de "um gênio do Made in Italy".

Fonte: Terra.com.br - Com informações da AFP, 03.07.2012

Nome:
E-mail:
Comentário:
Digite os caracteres abaixo:
Comentário enviado com sucesso!
Aguarde a aprovação!